Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Filosofia no Ensino Secundário

Novidades editoriais de interesse para estudantes e professores de Filosofia.

A Filosofia no Ensino Secundário

Novidades editoriais de interesse para estudantes e professores de Filosofia.

A biografia de uma especulação científica

Normalmente designa-se por especulação algo com que não se concorda, pelo que se poderia pensar que a especulação não tem qualquer papel a desempenhar em ciência. Na verdade, dá-se exactamente o contrário. Em física teórica, e especialmente no meu ramo, a cosmologia, passamos a maior parte do tempo a tentar descobrir falhas nas teorias que já existem, bem como a analisar novas teorias especulativas que porventura permitam descrever tão bem ou melhor que as anteriores os dados experimentais. Pagam-nos para duvidar de tudo o que os outros propuseram antes, para propormos nós próprios alternativas ousadas e para discutirmos interminavelmente entre nós.

(…)

Especular é imensamente divertido, especialmente quando, ao fim de muita discussão e de termos convencido todos os que nos rodeiam da correcção do que afirmámos, de súbito nos damos conta de que há uma qualquer falha embaraçosamente simples que invalida a nossa especulação e de que estivemos por isso a induzir toda a gente em erro durante uma hora – ou vice versa: que nos deixámos levar como crianças por outra pessoa cuja especulação era igualmente inválida

 

João Magueijo, Mais rápido que a luz, a biografia de uma especulação científica, Gradiva, 2004, p.8-9

 

 

Prémio de Tradução Científica e Técnica em Língua Portuguesa FCT/União Latina 2004

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blog de divulgação da filosofia e do seu ensino no sistema de ensino português. O blog pretende constituir uma pequena introdução à filosofia e aos seus problemas, divulgando livros e iniciativas relacionadas com a filosofia e recorrendo a uma linguagem pouco técnica, simples e despretensiosa mas rigorosa.

Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2007
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2006
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D