Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Filosofia no Ensino Secundário

Novidades editoriais de interesse para estudantes e professores de Filosofia.

A Filosofia no Ensino Secundário

Novidades editoriais de interesse para estudantes e professores de Filosofia.

Para ensinar é preciso saber

43007 Ultimamente tenho andado muito desorganizado nas leituras. Ocasionalmente isto ocorre, precisamente quando compro mais livros ao mesmo tempo. Começo a lê-los quase todos ao mesmo tempo e acabo a abandonar dois ou três nunca mais lhe pegando. Os mais desafiantes são sempre os de filosofia, também os mais difíceis de ler, pelo menos para mim. Os outros, divulgação científica, são livros maravilhosos de permanente descoberta, mas encaro-os muito como informativos. E de literatura já não falo já que não lhe pego há uns tempos. Esta semana comprei o título mais recente da colecção da Gradiva Temas da Matemática, Aritmética para pais, um livro para adultos sobre a matemática das crianças de Ron Aharoni. O miolo do livro é perfeitamente adaptável à filosofia e a todas as disciplinas do sistema de ensino em Portugal. A história é simples e verdadeira: o autor trocou uma carreira empresarial pelo ensino da matemática a crianças. Mesmo contra a resistência de muitos chegados, avançou com a ideia de ingressar no ensino. Só que as dificuldades surgidas constituíram um desafio muito cativante e Ron Aharoni percebeu que podia aprender muita matemática entrando no mundo dos miúdos. Mas afinal qual o miolo transversal da obra? È que o autor começou a sua carreira como professor das crianças encetando uma série de estratégias pedagógicas e acabou por perceber que transformou o ensino numa grande bagunça. O ensino começou a resultar precisamente quando se concentrou nos conteúdos, na própria matemática e esqueceu as pedagogias. A matemática tem todos os alicerces necessários para poder ser ensinada, principalmente aos mais carenciados, ao contrário do que se pensa, por exemplo, no sistema educativo português, inclusive pensamento de muitos professores. E esta é talvez a grande lição a tirar para os professores que se dediquem à leitira deste livro encantador. No resto temos aqui um belíssimo manual de como ensinar bem matemática sem ter de fugir da matemática. Na filosofia o que temos mais aproximado em língua portuguesa são os livros da Filosofia Aberta de Thomas Nagel e Nigel Warburton. Para professores temos o livro de Desidério Murcho de que aqui já falei várias vezes.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blog de divulgação da filosofia e do seu ensino no sistema de ensino português. O blog pretende constituir uma pequena introdução à filosofia e aos seus problemas, divulgando livros e iniciativas relacionadas com a filosofia e recorrendo a uma linguagem pouco técnica, simples e despretensiosa mas rigorosa.

Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2007
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2006
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D