Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Filosofia no Ensino Secundário

Novidades editoriais de interesse para estudantes e professores de Filosofia.

A Filosofia no Ensino Secundário

Novidades editoriais de interesse para estudantes e professores de Filosofia.

Aborto? Que argumentos pensar? Que decidir?

Numa altura em que vai a referendo Nacional a questão do aborto, nada melhor que estar um pouco informado sobre um problema que, antes de ser político, prepassa a moralidade. Para tal deixo duas referências que, certamente, colocarão à prova todos os nossos argumentos sobre a questão.
 
O embrião, o feto subsequente, a criança gravemente deficiente mental e até mesmo o recém-nascido, todos eles são indiscutivelmente membros da espécie Homo Sapiens, mas nenhum deles é autoconsciente nem possui um sentido do futuro ou a capacidade de se relacionar com os outros. Logo, a escolha entre os dois sentidos pode ter implicações importantes para a forma como respondemos a perguntas como «será que o feto é um ser humano?»
 
Peter Singer, Ética Prática, Gradiva
 
 
Será que abortar um feto é como assassinar um de nós? Este é o problema ético do aborto. Esta obra reúne seis ensaios não seguindo uma só resposta possível. Nele há argumentos contra e a favor do aborto.
 
A Ética do Aborto, org. e tradução de Pedro Galvão, Dinalivro, 2005
 
Incluí:
 
Uma defesa do aborto – Judith Jarvis Thomson
O direito da mulher a controlar o seu corpo? – Stephen D. Schwarz
Aborto e infanticídio – Michael Tooley
O argumento da regra de ouro contra o aborto – Harry Gensler
A razão da imoralidade do aborto – Don Marquis
O argumento do futuro-como-o-nosso – David Boonin

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blog de divulgação da filosofia e do seu ensino no sistema de ensino português. O blog pretende constituir uma pequena introdução à filosofia e aos seus problemas, divulgando livros e iniciativas relacionadas com a filosofia e recorrendo a uma linguagem pouco técnica, simples e despretensiosa mas rigorosa.

Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2007
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2006
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D