Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007

Aviso aos Incautos

Avisa-se os mais distraídos que a recente tradução da obra de Nigel Warburton, O que é a arte?, Bizâncio, sendo um livro de filosofia da arte, encontra-se à venda nas lojas FNAC, indevidamente, na secção de ensaios de arte. Quando muito, para não enganar o consumidor, o livro deveria aparecer em ambas as secções, ensaios de arte (apesar de não ser um ensaio de arte, mas um ensaio de filosofia, no caso, da arte) e filosofia. Resgista-se aqui o aviso.

Rolando Almeida

publicado por rolandoa às 00:11

link do post | favorito
5 comentários:
De Vitor Guerreiro a 22 de Novembro de 2007 às 09:34
Na Almedina também têm uma edição da Penguin, do Prefácio do Hegel às Lições de Estética, na secção de Arte. Mas se eu me começasse a tentar lembrar poderia enunciar muitos mais casos.

Até é difícil de compreender porque, mesmo que o repositor nunca tenha ouvido falar do Nigel Warburton, a colecção diz inequivocamente, em rodapé "FILOSOFICAMENTE". Mas como eu já referi aqui no caso do livro do Daniel Dennet, acho que o preconceito é tão surdo tão surdo que nem aos berros pelo bocal de uma tuba isto ia lá.

Temo que o caso seja irrecuperável. Na sociedade das competências, o simples conhecimento claro (ver que uma porcaria de um livro é uma discussão filosófica, quanto mais não seja pelo que diz na capa) e não orientado para o jogo de cintura não tem lugar. Gostaria de não estar sempre a emitir sinais negativos, que raio de papel, mas cada vez que me lembro de onde estou, das elites deste lugar, do que já tenho visto por aí e do que vi lá fora... tenho vontade de chorar e mergulhar o cérebro em etanol.
De rolandoa a 22 de Novembro de 2007 às 11:30
o mais bizarro de tudo é que na fnac que frequento , um dos livreiros é licenciado em filosofia.
Rolando
De Vitor Guerreiro a 22 de Novembro de 2007 às 23:20
Pois, mas isso também me acontece frequentemente. Já me aconteceu pelo menos uma vez conhecer um licenciado em filosofia numa livraria (isto foi no norte) onde, amigável mas dolorosamente, lhe fui levar ao balcão vários livros de filosofia perdidos por várias secções.

Mas hoje estou contente pá, li o artigo do Guardian para que o Nigel Warburton chamou atenção no blog dele, Virtual Philosopher. Escrevi um post sobre isso no meu, com link para o Guardian. A empregabilidade dos filósofos cresce no mundo anglo-saxónico. Os gajos no centro da aldeia global começam a perceber que não são os filósofos quem vê tudo na abstracção. Começam a perceber que isso fará quem só vê à frente índices, cash flows, e nem sequer no dinheiro como coisa prática, usável, quotidiana é capaz de pensar. Nem vêm pessoas, só recursos humanos.

No entanto, aqui na parvónio-pimbo-lândia, onde tudo o mais se copia tão acriticamente, a atitude para com a filosofia está 10 anos atrasada... Querem acabar com ela. Mas o que aconteceu à mimese do centro, e toda a lógica da hierarquia? Estes gajos têm a bússula avariada? Não sabem onde fica o norte?

Adivinha, as capacidades de análise, de questionamento de pressupostos, de independencia intelectual, capacidade de discernir alternativas, espírito crítico, todas estas estão a tornar-se crescentemente populares. A visão pública da filosofia vai mudando nos países onde se fala uma língua digna de produzir ciência. E aqui?

O Simon Blackburn é entrevistado pela autora, Jessica Shepherd. Provavelmente já o leste. Agora ia bem um brinde com um porto velho, uma experiência estética. As áreas da saúde e dos "negócios" parecem ser as que estão à frente no aumento de procura por filósofos.

Abraço
De Vitor Guerreiro a 22 de Novembro de 2007 às 23:29
Mas para isto inflectir a sério no nosso cantinho era bem era fazer uma "reforma do entendimento" à Espinosa, e estou a referir-me à academia. Era acabar com as múmias que andam há 30 anos a ensinar a única tese que escreveram sobre o sermão do Santo António aos Peixinhos e dar espaço às gerações de jovens que saem dali para empregos de merda, estragar o intelecto, os nervos e a saúde, enquanto aquela gerontocracia de imbecis (e nem todos são velhos nesse sentido) continua a poluir as mentes do público com uma imagem mística e "hippie", pacifista-do-cânhamo-vagamente-filosófico, vestido de serapilheira, tamancos e com o espírito do Proclo a flutuar sobre os cornos num arabesco de fumo com o véu da Maia à frente dos olhos. (esta deve direitos de autor, mas é assim mesmo).

... Mas deixar lá ficar os bons, que também os há. E a todos eles agradeço as ferramentas que me deram.
De rolandoa a 23 de Novembro de 2007 às 00:22
O que mais irrita é a hipócrisia de que todos somos uns bons samaritanos e que a filosofia é uma rage against the world, meio esquerdista, que tudo coloca em causa (pensa-se). Mas esta malta vive da filosofia e trabalha para o sistema, sendo professores, obtendo bolsas de estudo, etc... Portanto, tudo isto não passa de uma fachada mediocre. Tenho tido imensos problemas em questões tão elementares como: mostrar a importância da lógica na filosofia, colocar filósofos consagrados em causa, mostrar que a filosofia é útil. Em Portugal isto é quase proibido. Faz isto algum sentido? quem nos dera que a filosofia pagasse tão bem quanto o futebol. De certeza que teríamos mais filósofos e com maior qualidade.
isto vai dar para outro post
Rolando A

Comentar post

Rolando Almeida


pesquisar

 
Blog de divulgação da filosofia e do seu ensino no sistema de ensino português. O blog pretende constituir uma pequena introdução à filosofia e aos seus problemas, divulgando livros e iniciativas relacionadas com a filosofia e recorrendo a uma linguagem pouco técnica, simples e despretensiosa mas rigorosa.

Posts Recentes

NOVO ENDEREÇO: http://fil...

Nova religião digital

Problemas again

Escolha um título,...

A censura na nova religi&...

Filosofia na web – ...

Mais um “AQUI&rdquo...

Uma situaçã...

E?

Exigências para se ...

Arquivos

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Favoritos

Relação entre a filosofia...

Luta na filosofia ou redu...

A filosofia não é uma arm...

Argumentos dedutivos e nã...

16 de NOVEMBRO DE 2006, D...

PAGAR NA MESMA MOEDA

Um ponto de vista comum n...

DILEMA DE ÊUTIFRON

O que é a validade?

Nova Configuração no Blog

Sites Recomendados

hit counter
Clique aqui para entrar no grupo artedepensar
Clique para entrar no grupo artedepensar
Contacto via e-mail
AddThis Feed Button
RSS