Domingo, 7 de Janeiro de 2007

O livro que não deve ser esquecido em 2006

Findo o ano de 2006, eis que surgem as listas, umas mais especializadas que outras, sobre o que de melhor tivemos no plano editorial em 2006. Nas áreas mais específicas o mercado editorial português é muito debilitado. Normalmente as obras mais especializadas acabam por ser vendidas só a meia dúzia de especialistas que, numa boa parte dos casos, nem necessitam delas uma vez que recorrem aos originais, no caso das traduções. Precisamente por essa razão é que é urgente planificar o mercado editorial tendo em vista um público mais alargado. Os especialistas publicam as suas teorias e teses em revistas da especialidade, mas também podem publicar para um público mais alargado cumprindo com a democratização do conhecimento. Esse foi o legado do pioneiro Carl Sagan, no que à ciência respeita. No campo da filosofia este é um terreno marcadamente novo em Portugal, mas muito bem visto em territórios como os de língua francófona, inglesa ou alemã. Publicam-se boas introduções à filosofia, rigorosas e de grande proveito para o público em geral. Esta é também uma tarefa educativa, a de que os especialistas possam ensinar e formar os menos especialistas, desvendando-lhe os segredos das suas áreas, despertando assim interesses nos leitores que, de outro modo, dificilmente teriam acesso. É o que acontece com o livro de Desidério Murcho, Pensar outra vez, Filosofia, valor e verdade, ed. Quasi, Janeiro de 2006. De um modo muito rigoroso e informativo o autor revê alguns ensaios anteriormente redigidos e colige-os neste livro revestindo-os de interesse e actualidade. O problema do relativismo, da incerteza, sentido da vida, direitos dos animais não humanos, importância da argumentação na nossa sociedade, são temas discutidos amplamente nos circuitos mais especializados em departamentos altamente sofisticados de filosofia em diversas universidades e Desidério Murcho fá-los “descer à rua”, revelando-os matéria da preocupação de todos. A um determinado nível também os problemas da física ou da matemática são problemas de todos os seres humanos, porque não o mesmo para os problemas da filosofia?
Este é o melhor livro de filosofia escrito e pensado por um autor português no ano de 2006 e lamentável é que seja ainda um caso algo isolado. O saber em geral faz sentido se tiver importância na vida das pessoas. A sua solidificação só é possível numa sociedade culta e a possibilidade de uma sociedade culta é precisamente a de poder comunicar esse saber e não fechá-lo em copas, erro do passado que não vale mais a pena repetir, sob pena de condenarmos o próprio saber e revelá-lo sem interesse para a vida mais comum.
A filosofia é de todos e a todos pertence. Venham mais livros assim em 2007.
 
Rolando Almeida
 
Desidério Murcho, Pensar outra vez, Filosofia, Valor e Verdade, Ed. Quasi, 2006
publicado por rolandoa às 15:18

link do post | favorito
2 comentários:
De vitor oliveira a 8 de Janeiro de 2007 às 15:54
obrigado pela sugestão, quando tiver oportunidade vou comprar!!
abraço
De rolandoa a 11 de Janeiro de 2007 às 01:09
Obrigado pela visita Vitor. Apareça sempre. O livro que refiro é francamente bom e inteligível, coisa rara no plano de edições em filosofia escrita por portugueses.
Abraço
Rolando Almeida

Comentar post

Rolando Almeida


pesquisar

 
Blog de divulgação da filosofia e do seu ensino no sistema de ensino português. O blog pretende constituir uma pequena introdução à filosofia e aos seus problemas, divulgando livros e iniciativas relacionadas com a filosofia e recorrendo a uma linguagem pouco técnica, simples e despretensiosa mas rigorosa.

Posts Recentes

NOVO ENDEREÇO: http://fil...

Nova religião digital

Problemas again

Escolha um título,...

A censura na nova religi&...

Filosofia na web – ...

Mais um “AQUI&rdquo...

Uma situaçã...

E?

Exigências para se ...

Arquivos

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Favoritos

Relação entre a filosofia...

Luta na filosofia ou redu...

A filosofia não é uma arm...

Argumentos dedutivos e nã...

16 de NOVEMBRO DE 2006, D...

PAGAR NA MESMA MOEDA

Um ponto de vista comum n...

DILEMA DE ÊUTIFRON

O que é a validade?

Nova Configuração no Blog

Sites Recomendados

hit counter
Clique aqui para entrar no grupo artedepensar
Clique para entrar no grupo artedepensar
Contacto via e-mail
AddThis Feed Button
RSS