Terça-feira, 5 de Maio de 2009

Formação em filosofia. Procura-se! Viva ou morta!

6a00d8341c4e6153ef00e54f23203c8833-800wi Ando com algumas dúvidas e nada melhor do que as partilhar com o objectivo de melhor as esclarecer. São dúvidas de cariz meramente profissional. Esta semana vou iniciar uma formação que me ocupará até ao final da tarde do próximo sábado numa área que nada tem a ver com a filosofia. Para ser sincero nem sei se ou como vou progredir na carreira, mas, por via das dúvidas, vou fazendo formação. É curioso que os colegas de educação física ou artes tem formação para dar e vender, mas os colegas das áreas científicas já não podem gozar de circunstância igual, o que me parece manifestamente injusto. Mas é o que faz encarar os professores como estando todos na mesma circunstância, posição que sempre me pareceu muito discutível já que encaro que o meu trabalho como professor de filosofia tem de ser ajuizado por uma bitola diferente de um colega que leccione trabalhos manuais, por exemplo. Mas a minha dúvida neste momento é outra. Vendo-me forçado a fazer formação noutras áreas, mas tendo em atenção que terei sempre de fazer 1/3 da formação na minha área de especialidade, onde é que se arranja tal formação? Ou seja, onde é que os colegas de filosofia andam a fazer formação. Tenho sabido destas formações do Centro Diálogos mas pouco mais. E depois do semi fecho do CEF, não encontro mais formação em filosofia. Onde fazê-la é a minha questão? Obrigado aos colegas que queiram aqui partilhar esta solidão. Há uma solução que tenho já no forno: eu próprio preparar a formação. Mas para tal preciso de tempo para a preparar, e tempo é a coisa que nós professores menos temos tido já que o nosso ministério nos obriga a gastá-lo em inutilidades dentro das escolas. Agradeço as vossas sugestões.

publicado por rolandoa às 00:58

link do post | favorito
9 comentários:
De Jaime Quintas a 5 de Maio de 2009 às 11:28
Rolando,

Não conheço o mundo do ensino nem quais os requisitos necessários à formação que tens que ter.
Pergunto, no entanto, se a formação tem mesmo que ser em filosofia. Eu sou engenharia civil e, à parte 2 ou 3 pequenos cursos técnicos, toda a formação que tirei depois da licenciatura não está relacionada com esta: cursos de gestão de projectos, pós-graduação em avaliação de projectos, MBA , curso de dactilografia (foi das formações que mais valor acrescentou, quanto a mim), formação de formadores ... agora a filosofia.
Considero que este percurso variado me enriqueceu muito, e tal tem impacto na minha carreira profissional também.

Assim, e apenas como "teaser ", pergunto se não deverias procurar novas áreas de formação que não especificamente em filosofia.

De Jaime Quintas a 5 de Maio de 2009 às 11:30
Lendo melhor o teu post vejo que referes que tens sempre que ter 1/3 da formação específica em filosofia...
Sendo assim ignora o meu comentário anterior, pois deixa de fazer sentido.
De rolandoa a 5 de Maio de 2009 às 15:09
Olá Jaime,
Exacto. 1/3 da formação tem de ser na área específica de ensino.
abraço
De Anónimo a 5 de Maio de 2009 às 18:05
Boa tarde Rolando, eu não sei pormenores relativamente às acções de formação que nós, os professores, temos que realizar. Partilho da mesma angústia de não existir uma grande oferta da área da Filosofia. Porém, o motivo deste meu comentário é o de poder apontar sítios onde se realizem acções deformação (na minha opinião com qualidade). Assim sendo, partilho a minha experiência: na Faculdade de Filosofia de Braga da Universidade Católica Portuguesa no segundo período foi realizada uma acção de formação (já realizada em anos anteriores) intitulada Como Leccionar Epistemologia Sem Sofrimento. Presentemente, está a decorrer uma acção de formação que relaciona a Filosofia e o Cinema. Ambas são orientados pelo Formador Artur Galvão. A primeira participei e considero de muita utilidade para a nossa prática lectiva. Evidentemente que isto é uma gota no oceano, mas é sempre um possível caminho. Foi-me comunicado que, também, a Universidade de Letras do Porto promoveu uma ou duas acções de formação, mas não sei se se realizou ou não.
Espero ter, pelo menos, apontado um possível caminho.
Luís Couto
De rolandoa a 5 de Maio de 2009 às 18:13
Caro Luís,
Só lhe tenho a agradecer. Na verdade desconheço as acções que fala mas procurarei estar mais atento e até encetar contactos com as instituições que refere já que, apesar de leccionar na ilha da Madeira, possuo casa no norte e é relativamente barato a minha deslocação. Por outro lado cumpre-me divulgar as acções que tiver conhecimento aqui no blog.
Obrigado
De renato martins a 5 de Maio de 2009 às 19:43
Boas Rolando,

Foi um bom tema que lançaste. Infelizmente não te posso ajudar por aqui... O Desidério foi dos poucos que me recordo de dar acções de formação para professores na nossa área. Mesmo havendo não é suficiente, e que dizer quem vive longe dos grandes centros urbanos? Em Beja ter-se-á que ir a Lisboa? Em Bragança ao Porto? E aí na Madeira e nos Açores?

Falas em formação para colegas de educação fisica. Ainda agora vejo um planfeto de um workshop de Dança... Já em Informática as coisas tambem estão facilitadas: magic board, powerpoint...

enfim...
De Cátia Faria a 5 de Maio de 2009 às 20:57
Olá Rolando,

Penso que na FLUP este não foi cancelado, como infelizmente aconteceu com os restantes anunciados.

http://sigarra.up.pt/flup/cursos_geral.FormView?P_CUR_SIGLA=FCLA

Abraço,

C
De Sérgio Lagoa a 15 de Maio de 2009 às 13:40
Rolando,

Também fiz a acção sobre Epistemologia (olá, Luís!) e recomendo - a acção e o formador. A de cinema também é muitíssimo interessante. No "meu" centro de formação não existe nenhuma disponível ao longo dos próximos meses; na FLUP estiveram previstas diversas acções, mas foram quase todas canceladas (http://sigarra.up.pt/flup/cursos_geral.apresentacao?P_grau=FC ). Restam as de informática e pouco mais...
De Formação de Formadores, renovar cap a 20 de Outubro de 2010 às 14:51
Artigo interessante!

Comentar post

Rolando Almeida


pesquisar

 
Blog de divulgação da filosofia e do seu ensino no sistema de ensino português. O blog pretende constituir uma pequena introdução à filosofia e aos seus problemas, divulgando livros e iniciativas relacionadas com a filosofia e recorrendo a uma linguagem pouco técnica, simples e despretensiosa mas rigorosa.

Posts Recentes

NOVO ENDEREÇO: http://fil...

Nova religião digital

Problemas again

Escolha um título,...

A censura na nova religi&...

Filosofia na web – ...

Mais um “AQUI&rdquo...

Uma situaçã...

E?

Exigências para se ...

Arquivos

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Favoritos

Relação entre a filosofia...

Luta na filosofia ou redu...

A filosofia não é uma arm...

Argumentos dedutivos e nã...

16 de NOVEMBRO DE 2006, D...

PAGAR NA MESMA MOEDA

Um ponto de vista comum n...

DILEMA DE ÊUTIFRON

O que é a validade?

Nova Configuração no Blog

Sites Recomendados

hit counter
Clique aqui para entrar no grupo artedepensar
Clique para entrar no grupo artedepensar
Contacto via e-mail
AddThis Feed Button
RSS